Polícia Científica

06/02/2018

Polícia Científica recebe primeiro lote de novas viaturas

Em cerimônia realizada ontem (5) em frente ao Palácio Iguaçu, sede do governo estadual, foram apresentadas dez novas viaturas de transporte de cadáveres, que estarão disponíveis para o atendimento de ocorrências em diversas regiões do Paraná. As primeiras unidades serão enviadas para as sedes de Curitiba, Ponta Grossa, Londrina e Cascavel. Mais 20 viaturas ainda serão entregues nas próximas semanas para as 18 seções médico-legais, que abrangem todos os municípios.

No total, o governo investiu mais de dois milhões de reais (R$2.447.636,40) nas novas viaturas, em um contrato de locação a ser pago ao longo de um ano.

Inovação

Esses investimentos têm como objetivo substituir aos poucos toda a frota existente hoje no Instituto Médico Legal. Os carros são produzidos exclusivamente para o recolhimento, e contam com novas tecnologias que tornam o trabalho mais fácil e rápido. Uma plataforma elevável que aguenta cerca de duzentos e cinquenta quilos facilita ergonomicamente o acesso aos dois níveis de bandejas, com baús fechados e individualizados. No total, cada caminhonete tem capacidade para quatro cadáveres.  “São viaturas novas e diferenciadas. São modelos únicos que não tem igual no Brasil”, disse o diretor-geral da Polícia Científica do Paraná, Hemerson Bertassoni.

As novas viaturas fazem parte de um conjunto de ações do governo na Polícia Científica, em prol de um aprimoramento ainda maior na prestação de serviços. A inauguração da nova sede, localizada no bairro Tarumã, está prevista para o dia 15 de março deste ano, com uma estrutura de seis mil e oitocentos metros quadrados, e novos equipamentos em diversos setores.

Participaram da cerimônia de hoje a vice-governadora Cida Borghetti; a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni; o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano; o diretor-geral do IML no Paraná, Carlos Alberto Peixoto Baptista; o chefe da Casa Militar, coronel Elio de Oliveira Manoel; a chefe do Estado-Maior da PM, coronel Audilene Rosa de Paula Dias Rocha; o comandante do Corpo de Bombeiros, Juceli Simiano; os deputados estaduais Rubens Recalcatti, Pedro Lupion, Dr. Baptista, Reinhold Stephanes Junior, Luiz Claudio Romanelli, Elio Rush, Guto Silva, Tião Medeiros, Plauto Miró, Alexandre Curi, Bernardo Carli.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.